Mercado

FaaS para e-commerce: quais os benefícios desse modelo para o setor?

Publicado em 01 de setembro de 2021 por Redação Zoop

FaaS é a sigla para o termo fintech as a service, que é um modelo de negócio em que empresas de tecnologia oferecem soluções financeiras em formato de serviço, assim como acontece com as empresas SaaS (Software as a Service).

As fintechs as a service podem ser boa opção para plataformas de e-commerce, pois permitem que empresas que trabalham no ramo de comércio eletrônico comecem a entregar aos seus clientes os seus próprios produtos e serviços financeiros.

Na prática, os varejistas usufruem da tecnologia das FaaS para criar as suas próprias soluções financeiras, destacando que todas levam a sua marca e são desenvolvidas considerando o perfil do negócio, as características e as necessidades pontuais do público-alvo.

Mas quais seriam as vantagens para uma plataforma de e-commerce em firmar parceria com uma fintech as a service?

Um dos motivos é gerar mais valor para os clientes, condição que ajuda a atrair e a fidelizá-los e, consequentemente, a elevar o faturamento da marca.

Para entender um pouco melhor quanto os serviços financeiros oferecidos nesse formato são interessantes para o público, uma pesquisa da Capgemini apontou que 70% dos clientes bancários migram para as fintechs devido às taxas reduzidas.

Além dessa razão, 68% afirmam ser pela experiência que essas empresas proporcionam, e 54% devido à velocidade dos serviços.

Trazendo isso para o comércio eletrônico, há a chance de não apenas atender a essas expectativas, mas também de oferecer em um único ambiente tudo o que o cliente precisa, evitando que busquem bancos tradicionais, ou mesmo digitais, para ter acesso a produtos financeiros.

Mas saiba que há diversos outros benefícios que a contratação de uma FaaS para pode trazer para as plataformas de e-commerce e para os seus consumidores. Continue a leitura deste artigo, confira quais são e como implementá-las.

Quais são os benefícios de uma FaaS para e-commerce?

Como explicado anteriormente, uma FaaS é uma fintech que entrega a empresas de diferentes segmentos soluções que facilitam suas entradas no mercado de produtos e serviços financeiros.

Essa definição, por si só, já aponta para um dos benefícios dessa parceria para o varejo digital: o comércio eletrônico não precisa se desviar do seu core business para incluir  a oferta de serviços financeiros em seu portfólio.

Isso quer dizer que o seu formato de atuação continua inalterado, mas, ao mesmo tempo, a marca agrega valor ao que é entregue ao público.

Listando os demais benefícios da contratação de um a fintech as a service para e-commerce temos:

  • redução do time to market;
  • fortalecimento da marca;
  • crescimento do seu poder competitivo;
  • abrangência de novas camadas de consumidores;
  • geração de uma nova fonte de receita.

As vantagens de uma FaaS para o e-commerce na prática!

Redução do time to market

Quando um negócio  decide lançar um novo produto ou serviço, há um período entre o planejamento e a entrega finalizada ao público, certo?

No caso das soluções financeiras, durante esse percurso, é preciso desenvolver o que será ofertado, mas também lidar com questões regulatórias específicas do segmento.

Por serem bem particulares do setor, não se espera que um gestor de comércio eletrônico tenha conhecimento e uma equipe especializada para lidar com essas regulamentações. Assim, essa inexperiência pode gerar atraso na finalização do projeto.

Ao contratar uma FaaS o empreendedor não precisa se preocupar com pontos como esse, visto que esses são tratados pela fintech que está desenvolvendo os produtos.

Aproveite e leia este artigo: “Regulamentação fintech: qual a principal para começar a atuar nesse mercado?

Fortalecimento da marca

Qualquer empresa que trabalha com os seus próprios produtos financeiros tem a sua marca fortalecida, e com o comércio eletrônico isso não poderia ser diferente.

Criar e oferecer as próprias soluções financeiras, pensando pontualmente nos clientes que deseja atender e em como suprir as suas dores, fortalece o nome da companhia e confere muito mais credibilidade, destacando-a dos concorrentes.

Crescimento do seu poder competitivo

E por falar em concorrentes, outra vantagem de adentrar esse mercado com a ajuda de uma fintech as a service para e-commerce é ganhar um importante diferencial competitivo.

Isso quer dizer que o seu comércio eletrônico entregará mais que os demais negócios do mesmo segmento. Assim, na hora de tomar a decisão de compra, as chances de o potencial cliente escolher a plataforma mais completa (no caso, a sua) são bem maiores.

Abrangência de novas camadas de consumidores

O setor varejista, seja ele presencial ou virtual, tem uma grande vantagem sobre os bancos tradicionais: uma relação de proximidade com os clientes que facilita conhecer as suas dores e necessidades.

Assim, quando passa a oferecer produtos e serviços financeiros tem a chance de atender pontualmente esses consumidores e aqueles que, por algum motivo, não conseguem se relacionar com outras instituições bancárias.

Isso contribui para o atendimento de diferentes camadas de clientes, bem como para a atração e para a fidelização desse público.

Dica de leitura: “Bancarização: o processo que muda vidas e negócios!

Geração de uma nova fonte de receita

Por fim, outro importante benefício obtido com a contratação de uma fintech as a service para e-commerce é a possibilidade que o negócio tem de gerar uma nova fonte de receita.

Essa lucratividade pode ser obtida, por exemplo, com a cobrança de tarifas, taxas, venda de produtos relacionados com seguros, empréstimos, investimentos etc.

Aqui, é importante ter em mente que quanto menores forem os custos para os seus clientes, maiores serão as chances de aderirem à sua oferta e permanecerem utilizando-a. Ainda assim, é possível obter um bom faturamento com essas soluções.

Como deve ser a implementação? Quais desafios precisam ser enfrentados e o que deve ser considerado?

Além do comércio eletrônico, diversos outros modelos de negócios podem crescer ao firmar parceria com uma fintech as a service. Alguns exemplos são:

 

A verdade é que qualquer empresa que trabalhe com transações financeiras eletrônicas pode se beneficiar com as soluções FaaS, tanto para criar os seus próprios produtos bancários quanto para aprimorar os seus sistemas de cobrança e de recebimento de valores.

Porém, na hora de contratar esse suporte, independentemente do ramo de atuação, é essencial considerar diferentes pontos, tais como:

  • quais produtos e serviços bancários podem ser criados e entregues com as soluções oferecidas pela FaaS;
  • facilidade de personalização;
  • facilidade de implementação;
  • camadas de segurança adotadas;
  • tecnologia utilizada;
  • atendimento das regulamentações.

 

A Zoop, fintech líder em tecnologia para serviços financeiros, atende esses e vários outros quesitos e pode ajudar a sua empresa a entrar nesse mercado.

Converse agora mesmo com um dos nossos consultores e confira como!

Diga como podemos lhe ajudar!
Avalie o artigo