Mercado

Healthtechs: o que é, como funciona e quais as vantagens de um modelo de recorrência nesse tipo de negócio?

Publicado em 15 de junho de 2022 por Redação Zoop
Avalie este post

Para falarmos sobre healthtechs, o que é e como funciona um modelo de recorrência nesse tipo de negócio precisamos, primeiro, esclarecer alguns conceitos, começando pelo que abrange essas empresas.

Healthtechs são startups voltadas para a área de saúde. A principal forma de atuação dessas companhias é a utilização da tecnologia como meio de aprimoramento de produtos e serviços voltados para essa área.

Por exemplo, essas empresas podem criar soluções que ajudam a diminuir o tempo de atendimento aos pacientes e de diagnóstico de doenças, desenvolver soluções para realização de tratamentos menos invasivos, aprimorar cirurgias, entre outros.

Segundo levantamento feito pela plataforma Sling Hub, que realiza o mapeamento de dados sobre startups na América Latina, o qual foi divulgado em uma matéria no site da Veja, em 2021 já existiam 1.158 healthtechs e o setor cresceu 329% naquele ano.

Ou seja, se houve um crescimento é sinal que o faturamento também se elevou, o que leva à necessidade de essas empresas melhorarem suas soluções de pagamento. E é justamente neste ponto que entra o conceito de cobrança recorrente, solução usada por companhias que recebem valores periódicos dos seus clientes.

Para entender mais a fundo essa relação entre healthtechs, o que é e como funciona um modelo de recorrência nesse setor, basta continuar a leitura deste artigo.

Healthtechs: o que é um modelo de cobrança recorrente nesse setor?

Logo na abertura deste artigo demos uma explicação breve sobre healthtechs, o que é e como funciona um modelo de recorrência nesse setor explicando o que fazem as empresas dessa área. 

Para deixar o seu entendimento mais completo, agora, destacaremos o que contempla um sistema de cobrança recorrente e de que maneira ele pode ser aplicado nessas startups da área de saúde.

Cobrança recorrente, como o próprio nome sugere, é aquela que acontece periodicamente. Por exemplo, uma empresa no formato healthtech pode fornecer para os seus parceiros de negócio um sistema voltado para gestão hospitalar, gestão clínica e prontuário eletrônico.

Comumente, essas soluções funcionam em nuvem e são “as a service”. Isso significa que a empresa contratante não compra o software e o instala em seus equipamentos, mas, sim, faz uma assinatura e paga pelo período que o utilizar.

Assim, se esse é um serviço por assinatura, o pagamento precisa ser feito continuamente em um determinado intervalo de tempo — geralmente mensal — para que não haja interrupção do serviço contratado.

Se a healthtech utiliza uma plataforma de pagamento recorrente para esse processo de cobrança ele é feito automaticamente, gerando diversos benefícios tanto para quem paga quanto para quem recebe os valores.

Plataformas de pagamento recorrente em healthtechs: como funcionam?

As plataformas de pagamento recorrente são soluções oferecidas por fintechs que atendem bem tanto as healthtechs quanto outras empresas que atuam no formato SaaS, a exemplo de clubes de assinatura, streaming de filmes e músicas.

Esse sistema pode operar de duas maneiras diferentes: integrado ao site da companhia ou não integrado ao site da companhia.

No formato integrado, tudo acontece no site da própria companhia. Ou seja, o cliente escolhe o serviço que precisa, faz a contratação, informa seus dados de cobrança e, a partir daí, o pagamento acontece automaticamente pelo período de contratação definido.

Quando não há essa integração, todos esses passos que acabamos de citar acontecem fora do site, ainda assim, a forma de cobrança permanece recorrente.

Esse formato pode ser utilizado, por exemplo, quando as etapas de venda das soluções da healthtech são feitas diretamente entre vendedor e cliente. 

Em casos assim, tão logo o contrato é firmado, os dados do contratante são inseridos na plataforma de pagamentos e as cobranças passam a acontecer periodicamente a partir de então, sem a necessidade de intervenção de nenhuma das partes. 

Quais as vantagens de utilizar uma solução de pagamento recorrente?

Agora que ficou mais claro o conceito de healthtechs, o que é e como funciona uma plataforma de pagamento, você deve estar se perguntando quais são as vantagens de utilizar esse recurso nesse modelo de negócio, certo?

Para as empresas que adotam essa solução de pagamento recorrente, os benefícios que mais se destacam são:

  • redução da inadimplência;
  • possibilidade de aumentar as taxas de retenção;
  • realização de processos livre de falhas ou esquecimentos;
  • otimização de tempo no que se refere à gestão de cobrança;
  • aprimoramento da gestão financeira da companhia.

 

Já para os clientes da healthtech, os pontos mais vantajosos são:

  • possibilidade de pagar por um serviço de forma automática, evitando esquecimentos;
  • chance de utilizar o meio de pagamento preferido e mais adequado para o momento, incluindo boleto bancário;
  • não comprometer o limite do cartão de crédito, visto que não se trata de uma cobrança parcelada, mas, sim, recorrente por um período determinado.

 

Dica de leitura: “Pagamento online para empresas de saúde: quanto (e como) contribui para reduzir problemas de recebimento?

Como trazer um modelo recorrente de cobrança para uma healthtech?

Achou interessante saber mais sobre healthtechs, o que é e como funciona um modelo de recorrência nesse setor? Então agora resta descobrir como tornar tudo isso realidade em companhias desse formato.

Como dissemos, as plataformas de pagamento recorrente são soluções criadas e disponibilizadas por fintechs, e uma que pode ajudar você com isso é a Zoop.

 

A Zoop é uma fintech líder em tecnologia para serviços financeiros, inclusive, é a responsável pela tecnologia utilizada pela Medicinae Solutions, empresa que oferece soluções financeiras exclusivas para o setor de saúde.

 

Além dessa, a Zoop também oferece solução para que seus parceiros de negócio atuem como instituições de pagamento, mesmo que esse não seja o core business da empresa.

Com a plataforma de serviços financeiros White Label da fintech é possível criar produtos e serviços financeiros que levam a marca do seu negócio, tais como:

 

Receba via cartão de crédito, cartão de débito, Pix, e outros meios de pagamento de maneira simples e otimizada.

Considerando que você sabe mais sobre healthtechs, o que é e como funciona um modelo de recorrência, aproveite e entre em contato com um representante da Zoop e traga essa solução também para o seu negócio.

 

Avalie este post
Diga como podemos lhe ajudar!
Avalie o artigo