Negócios

Crédito recorrente: como funciona, vantagens e como implementar

Publicado em 11 de fevereiro de 2021 por Redação Zoop

Você sabe o que é crédito recorrente e como funciona essa modalidade de cobrança? 

Crédito recorrente é opção de pagamento na qual ocorre uma cobrança regular diretamente na fatura do cartão de crédito do cliente.

Essa solução é uma alternativa que pode ser utilizada por serviços de assinatura, tais como TV a cabo, aplicativos de música, de filmes e empresas SaaS, e também por escolas, academias e outros serviços que cobram mensalidades.

Ou seja, o crédito recorrente é um meio de pagamento que realiza cobranças regulares de forma automática, eliminando a necessidade de a sua empresa fazer isso manualmente.

Entre as vantagens estão a automação do processo de cobrança, a redução dos índices de inadimplência e a oferta de um serviço mais cômodo e ágil para o cliente.

Mas quais seriam os outros benefícios e como inserir essa opção aos seus meios de pagamento? Confira agora!

Crédito recorrente: como funciona?

Entre as opções de pagamentos recorrentes temos o crédito recorrente. Consiste em uma cobrança periódica que é realizada diretamente no cartão de crédito do consumidor.

Essa cobrança é efetuada pelo tempo que durar o contrato entre empresa e cliente, ou até que esse solicite a suspensão dos serviços ou o envio dos produtos.

Por essa característica, o crédito recorrente pode ser realizado de forma mensal, bimestral, semestral, anual, ou dentro de qualquer outro período que seja acordado entre as partes.

Essa forma de cobrança é bastante utilizada por empresas que prestam serviços regulares, tais como os de assinatura, empresas SaaS, ERPs, entre outras.

Dica de leitura: “Como ERPs podem criar novas fontes de receita com serviços financeiros no varejo?

No comércio, em geral, o crédito recorrente pode ser utilizado também por negócios que cobram mensalidades, a exemplo de escolas, faculdades, academias etc.

Quais as vantagens do pagamento em crédito recorrente?

Uma das vantagens de oferecer o crédito recorrente está em permitir que o cliente use o seu cartão de crédito como meio de pagamento sem que isso comprometa o seu limite.

Isso é possível porque essa forma de cobrança somente acrescenta um valor à fatura do comprador, sem afetar o limite total do seu cartão.

É interessante destacar também que, ainda que os outros meios de pagamento estejam em crescimento, o cartão de crédito continua entre as opções mais utilizadas pelo público em geral.

De acordo com dados da Abecs, Associação Brasileira das Empresas de Cartão de Crédito, apenas no terceiro trimestre de 2020, as transações via cartão de crédito movimentaram mais de R$ 295 bilhões.

Ou seja, saber o que é crédito recorrente e como funciona é uma forma de satisfazer uma necessidade e atender uma preferência dos seus consumidores, o que pode contribuir também para elevar o seu volume de vendas.

Não deixe de ler “Qual a importância dos serviços financeiros? Por que você deve agregá-los ao seu negócio?

Somando a esses pontos, o crédito recorrente como opção de pagamento também traz vantagens como:

  • aumento nas taxas de fidelização;
  • automação no seu processo de cobrança;
  • redução da burocracia;
  • redução no número de inadimplentes;
  • melhor previsão financeira;
  • mais segurança e comodidade para o cliente.

 

Lembre-se também que, quanto mais meios de pagamento oferecer aos seus clientes, maior será o diferencial competitivo da sua empresa.

Como implementar o crédito recorrente na sua empresa?

Agora que você sabe o que é crédito recorrente e como funciona, o próximo passo é descobrir como trazer essa alternativa de pagamento para a sua empresa e se beneficiar de todas as vantagens que acabamos de citar.

A melhor forma de começar a implementação dessa solução é escolhendo uma boa plataforma de pagamentos recorrentes

Essa ferramenta permite não apenas trabalhar com crédito recorrente, mas também com débito e até boleto bancário.

Só para que essas opções fiquem claras, o débito recorrente consiste na cobrança regular de valores diretamente na conta corrente do cliente. 

Já o boleto recorrente é o envio desse meio de pagamento também de forma regular ao consumidor, sendo uma boa alternativa para atender quem não tem conta bancária ou cartão de crédito, ou tem, mas não quer utilizá-lo.

Qual o papel das fintechs na implementação desse meio de pagamento? 

As fintechs têm papel fundamental na implementação do crédito recorrente. Aqui, vale destacar que as startups de serviços financeiros são a peça-chave no processo de democratização desse setor.

Entenda mais neste episódio do Papo na Nuvem:

 

A Zoop, fintech líder em tecnologia para serviços financeiros, por exemplo, oferece aos seus parceiros uma plataforma de pagamentos recorrentes que permite a criação de uma solução completa para gestão de assinatura.

Por meio de APIs, que são conjuntos de instruções e padrões de programação, você pode criar planos com recorrências de acordo com o perfil do seu negócio, tais como cobranças diárias, semanais, mensais e anuais.

A contribuição de uma fintech para o crescimento da sua empresa

Mas podemos ir muito mais longe do conceito de crédito recorrente, como funciona e como implementar na sua empresa.

Sabia que você pode oferecer aos seus clientes uma conta digital White Label? Isso quer dizer que estará entregando aos seus consumidores todas as funcionalidades desse produto financeiro com a sua marca.

Acrescentar uma solução como essa ao seu portfólio traz mais credibilidade para o seu negócio — afinal, é o nome da sua empresa que os clientes estarão vendo, e não do desenvolvedor!

Além disso, você terá uma nova fonte de receita, sem se desviar do seu foco principal de atuação.

Dentro da conta digital você também pode oferecer um cartão private label, que é um cartão que só pode ser utilizado nas transações realizadas entre o cliente e a sua empresa.

Solução bastante indicada para varejistas, esse tipo de cartão de crédito ajuda a atrair e fidelizar clientes e pode, inclusive, ser usado para cobranças de crédito recorrente.

A oferta de meios de pagamentos e serviços financeiros digitais por empresas que não têm o seu core business no mercado financeiro está cada dia mais ampla e acessível, graças à atuação de fintechs como a Zoop.

Quer mais detalhes de como essas soluções podem agregar valor ao seu negócio? Então converse agora com um dos nossos consultores.

 

Diga como podemos lhe ajudar!
Avalie o artigo