Negócios

Pix no e-commerce: quais as vantagens em relação ao boleto e outros meios de pagamento e como implementá-lo?

Publicado em 24 de novembro de 2021 por Redação Zoop
Avalie este post

A oferta do Pix no e-commerce, sistema de pagamentos instantâneo do Banco Central, já é uma realidade e cresce consideravelmente a cada mês. 

De acordo com dados da empresa de consultoria Gmattos, os quais foram divulgados no site Tecmundo, no início de 2021, apenas 16,9% dos lojistas entrevistados trabalhavam com essa solução. Já no segundo trimestre do mesmo ano esse percentual subiu para 40,7%.

Segundo a consultoria, uma das razões para essa adesão mais ampla é que o Pix potencializa as conversões no e-commerce (de 60% a 90%), e também geram de duas a três vezes mais faturamento que os demais meios de pagamento.

O comportamento do consumidor também tem grande peso na aceitação do Pix no e-commerce. Se antes os usuários da solução só a viam como uma ferramenta para transferir valores entre pessoas, hoje, já a enxergam com mais um meio de pagamento.

Um estudo realizado pela Zetta, associação sem fins lucrativos criada por empresas de tecnologia que atuam com serviços financeiros digitais, revelou que 57% dos usuários do sistema o utilizam para pagar produtos, alimentos, mensalidades e/ou serviços de empresas.

As estatísticas do Banco Central apontam que, apenas em outubro de 2021, 16% das transações via Pix (mais de 152 milhões) foram feitas de pessoas para empresas.

Ou seja, deixar de oferecer o Pix no varejo, especialmente no online, pode resultar na perda de muitas vendas. 

Quais outros motivos justificam essa oferta? Como torná-lo uma realidade no seu e-commerce? Confira essas e outras respostas agora, neste artigo!

Por quais motivos a oferta do Pix no varejo é importante?

Ainda segundo a pesquisa da Zetta, o sistema de pagamentos instantâneo ocupa o terceiro lugar na preferência de meios de pagamento entre os usuários que têm chave Pix cadastrada. 

No ranking, com 81% da utilização, a solução perde apenas para o cartão de débito (85%) e para o dinheiro (84%). Mas o que mais chama a atenção é que o Pix ficou na frente do cartão de crédito, que teve 74% de uso apontado. 

Entre os outros métodos de pagamento usados para comparação, o boleto bancário teve 53% da preferência e as carteiras digitais 52%.

É certo que esses percentuais se referem ao uso no Pix de modo geral, e não apenas no comércio eletrônico. No entanto, esses dados mostram quanto a solução “caiu nas graças” das pessoas e, por isso, ganha mais usuários a cada dia.

Também por esse motivo a oferta do Pix no e-commerce tem se tornado tão importante, visto que ele atende ao novo perfil de consumidores, suas necessidades, preferências e expectativas.

Não deixe de ler: “Pix Parcelado: confira como funcionará o parcelamento de compras desse sistema e suas vantagens

Por que trabalhar com Pix no e-commerce?

De acordo com o mesmo estudo que acabamos de citar, as pessoas estão utilizando o sistema de pagamentos instantâneo devido à sua facilidade, comodidade, rapidez, agilidade e segurança.

Das que usaram a solução, 40% afirmam que foi para pagamentos online, 17% para pagamentos presenciais e 43% para as duas formas — aqui, é possível acreditar que seja relacionado ao varejo omnichannel.

Além de aprimorar a experiência de compra do cliente, se formos descrever outras razões pelas quais a oferta no Pix no e-commerce se tornou tão necessário, as que mais se destacam são:

  • tende a ter taxas de conversão maiores que o boleto bancário;
  • ajuda a otimizar a gestão de estoque da empresa;
  • melhora o fluxo de caixa do negócio;
  • atende desbancarizados, pessoas que não têm cartão de crédito e outros grupos;

Tende a ter taxas de conversão maiores que o boleto bancário

O boleto bancário tem 15% da preferência dos clientes que fazem compras em lojas online, segundo dados do Opinion Box. Porém, ele tem o agravante de demorar cerca de três dias úteis para compensação após o pagamento.

Esse prazo pode não ser muito atrativo para os consumidores, visto que ele afeta o tempo de recebimento do produto adquirido.

Já quem trabalha com o Pix no e-commerce pode ter taxas de conversões maiores. Considerando que a aprovação do pagamento é instantânea, a compra pode se tornar mais interessante para o cliente, que sabe que tem as chances de receber a sua mercadoria mais rapidamente.

Ajuda a otimizar a gestão de estoque da empresa

Ainda comparando o Pix e o boleto bancário, é preciso destacar que a demora na compensação do valor que o segundo meio de pagamento gera afeta o estoque da empresa e, consequentemente, o seu faturamento.

Isso acontece porque, até que o boleto bancário seja pago, o varejista precisa reservar o produto para o cliente. 

Porém, se chegar o vencimento e o consumidor não tiver realizado o pagamento, quer dizer que essa mercadoria ficou parada desnecessariamente e, com isso, perdeu-se a chance de vendê-la para outra pessoa.

O Pix resolve essa questão, já que, se o pagamento não for feito imediatamente, o lojista sabe que o produto pode ser liberado para uma nova venda.

Melhora o fluxo de caixa do negócio

As vendas feitas via Pix para o e-commerce também ajudam a melhorar o fluxo de caixa, considerando que o valor é creditado na conta do varejista no formato D+1, o que significa um dia após o pagamento.

Isso já não acontece com o boleto bancário, pelos motivos que acabamos de citar, e também não ocorre com os cartões de crédito — dependendo da operadora e do plano contratado, pode levar até 30 dias para o lojista receber os valores das vendas.

Atende desbancarizados, pessoas que não têm cartão de crédito e outros grupos

Antes do Pix, o boleto bancário era a única opção de quem não tinha conta em banco, mas queria realizar compras online.

Considerando que o sistema de pagamentos instantâneo pode ser vinculado a uma carteira digital, ela amplia o leque de grupos de consumidores que podem ser atendidos.

Além disso, a solução também contempla quem não tem cartão de crédito, ou aquelas que não querem comprometer o limite com compras em e-commerces.

Pix da Zoop, como funciona e como trazê-lo para o seu negócio?

Agora que você sabe todas as vantagens de oferecer o Pix no e-commerce, deve estar se perguntando como trazer esse meio de pagamento para o seu negócio, não é?

Neste ponto, a Zoop, fintech líder em tecnologia para serviços financeiros, pode ajudar você!

Com o Pix da Zoop você oferece esse método de pagamento aos seus clientes, tudo com integração fácil e rápida aos seus sistemas.

Tenha um fluxo financeiro 100% automatizado, transações de valores aprovadas em segundos, agilidade no recebimento e muito mais.

Para saber como, converse com um dos nossos especialistas e peça o Pix da Zoop agora mesmo!

Avalie este post
Diga como podemos lhe ajudar!
Avalie o artigo