Gestão

Os 7 principais desafios da gestão financeira e como lidar com cada um deles

Publicado em 18 de abril de 2022 por Redação Zoop
Avalie este post

Saber como lidar com os desafios da gestão financeira é essencial para o sucesso de qualquer negócio, independentemente do seu porte ou segmento. 

A frase parece clichê, mas vale lembrar que um gerenciamento ineficiente está entre os principais motivos que levam ao fechamento das empresas no Brasil, e isso, certamente, engloba a administração incorreta dos recursos financeiros. 

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE, a falta de uma gestão eficaz é a razão pela qual quase 50% das companhias brasileiras encerram suas atividades em até três anos, segundo mencionado na reportagem do portal Contábeis.

E quando o assunto são os principais desafios de um gestor no ambiente financeiro da empresa, estamos falando de questões que vão desde como saber gerenciar adequadamente as pessoas que fazem parte desse setor, até tomar decisões estratégicas que podem afetar diretamente (e seriamente) o futuro do negócio.

Para ajudar você a resolver situações como essas, neste artigo trouxemos os sete principais desafios da gestão financeira e dicas de como lidar com cada um deles. Acompanhe!

Quais são os principais desafios da gestão financeira?

Indo direto ao assunto, os desafios da gestão financeira que mais se destacar e requerem atenção dos administradores dessa área são:

  • identificar e mitigar riscos financeiros
  • precificar produtos e serviços
  • gerenciar contas a pagar e a receber
  • tomar decisões financeiras estratégicas
  • adaptar-se às mudanças do mercado
  • fazer uma boa gestão de pessoas
  • lidar com processos obsoletos e falta de tecnologia

Identificar e mitigar riscos financeiros

São muitos os riscos financeiros pelos quais uma empresa pode passar, por exemplo:

  • risco de crédito: não receber os valores devidos (inadimplência), o que tende a comprometer seriamente o fluxo de caixa;
  • riscos operacionais: decorrentes de problemas internos, como falhas de funcionários e de sistemas que levem a perdas financeiras;
  • risco de liquidez: que se refere ao tempo necessário para os recursos financeiros estarem disponíveis para cobrir despesas. 

 

Para conseguir mitigá-los, a ideia aqui é conseguir, o máximo possível, prever quais podem ser os riscos financeiros que o negócio tenha que enfrentar e buscar meios de se antecipar a eles. Desse modo, as chances de ter menos perda monetária aumentam.

Dica de leitura: “O que é antecipação automática de recebíveis? Vale ou não a pena?

Precificar produtos e serviços

A precificação de produtos e serviços está na lista de desafios da gestão financeira, pois afeta diretamente o faturamento e a lucratividade do negócio.

Uma das maiores dificuldades enfrentada pelos gestores quanto a isso é conseguir equilibrar, no preço cobrado dos clientes, questões como custos de produção ou revenda, carga tributária, lucro pretendido sobre cada item, entre outros pontos relacionados.

Além disso, é preciso definir preços que ajudem a gerar um diferencial competitivo, para que a empresa se destaque dos demais concorrentes também nesse quesito. Por vezes, pode ser necessário diminuir a margem de lucro, mas ganhar em quantidade de vendas.

Gerenciar contas a pagar e a receber

O fluxo financeiro de um negócio também passa pela gestão adequada das contas a pagar e a receber. 

Quanto a isso, os principais desafios de um gestor são equilibrar essas entradas e saídas, honrar com os compromissos financeiros e diminuir sua taxa de inadimplência.

O uso de soluções tecnológicas próprias para esse tipo de acompanhamento financeiro é uma maneira de evitar que as despesas da empresa não sejam pagas, a exemplo de tributos e fornecedores. 

Além disso, também ajudam a identificar e a gerenciar inadimplentes, contribuindo para um processo de cobrança mais efetivo.

Tomar decisões financeiras estratégicas

Um bom exemplo de decisão financeira estratégica é decidir qual deve ser o destino dos lucros da empresa. 

Uma pessoa que está à frente de um negócio pode se questionar, por exemplo: “Pensando no crescimento do negócio, o mais prudente este mês é contratar mais funcionários e aumentar a folha de pagamento, ou melhorar a plataforma de vendas online?”

Para o gestor escolher entre questões como essas, o ideal é ter como base relatórios financeiros precisos com todas as fontes de faturamento e despesas da companhia, a exemplo dos valores recebidos por diferentes meios de pagamento em determinado período.

Não deixe de ler: “Plataforma de pagamentos online: 5 vantagens que justificam a oferta dessa solução!

Adaptar-se às mudanças do mercado

Quando falamos em mudanças do mercado, não estamos apontando apenas para o comportamento dos clientes que podem mudar o curso das vendas, mas também em questões tributárias e fiscais.

É papel do gestor financeiro se atentar a essas alterações, visto que problemas relacionados a pagamento incorreto de impostos, por exemplo, podem resultar em sérios transtornos com os órgãos fiscalizadores e comprometer a imagem e o crescimento da marca.

Para isso, contar com um bom suporte contábil, assim como estar por dentro de notícias e informações dessa área, pode fazer bastante diferença.

Fazer uma boa gestão de pessoas

E não só os clientes externos são importantes para o sucesso de uma empresa, mas os internos também. Aqui, entenda por clientes internos os colaboradores, fornecedores e parceiros de negócios que têm relação direta com a companhia

Mesmo que não comprem seus produtos, ou contratem seus serviços, a atuação deles pode afetar o crescimento da marca. Por exemplo, não aproveitar o talento de cada funcionário tende a impactar nos processos que precisam ser realizados no setor e, consequentemente, nos resultados que precisam ser entregues.

Quanto aos fornecedores, manter um bom relacionamento é essencial para que a companhia não pare suas operações, e isso inclui manter os compromissos financeiros (pagamento das contas) em dia.

Lidar com processos obsoletos e falta de tecnologia

Por fim, não poderia faltar na lista de desafios da gestão financeira ter que lidar com processos obsoletos. 

O que estamos querendo apontar aqui é a realização de atividades manuais, que são passíveis de falhas que podem gerar grandes transtornos para o crescimento da empresa.

De modo geral, essa prática está atrelada à ausência de recursos tecnológicos adequados, tais como sistemas de gestão financeira, contábil, plataformas de pagamento online para facilitar o recebimento e acompanhamento de valores, entre outros.

Como lidar com problemas como esses?

Boa parte dos desafios possíveis de serem encontrados no ambiente financeiro da empresa que acabamos de citar podem ser resolvidos com o uso das ferramentas certas.

A Zoop pode ajudar você com uma solução que, em um mesmo ambiente, viabiliza a construção de soluções de cobrança e a gestão financeira desses valores, incluindo diferentes métodos de recebimento, split de pagamentos, captura omnichannel e muito mais.

Conheça o Zoop Payments!

Acesse agora mesmo a página do Zoop Payments, confira mais detalhes sobre essa ferramenta e aproveite para conversar com um especialista.

Zoop. Tecnologia para os serviços financeiros do futuro.

Avalie este post
Diga como podemos lhe ajudar!
Avalie o artigo