Empreendedorismo

6 dicas para evitar carrinho abandonado no seu e-commerce

Publicado em 02 de julho de 2020 por Redação Zoop

Carrinho abandonado é um problema que todo gestor de loja virtual deseja não ter. Afinal, tanto trabalho é feito para atrair potenciais compradores que perdê-los no momento mais importante é terrível. Para saber como evitar que isso ocorra no seu negócio, continue a leitura deste artigo até o final! 

Você também tem problemas com carrinho abandonado no seu e-commerce? O contexto em que vivemos é favorável para o bom desempenho de lojas virtuais, mas a visibilidade e o ranqueamento da sua página em motores de pesquisa estão condicionados ao uso de ferramentas adequadas, como o WooCommerce — e essa deve ser sua primeira preocupação.

Esse plugin do WordPress oferece uma solução completa para criação de um e-commerce. Para completar, tem um módulo preparado para resgatar aquele carrinho abandonado, que pode ser considerado o custo de oportunidade da sua empresa.

Segundo estudo da Rock Content, 97% dos consumidores já abandonaram um carrinho de compras. O valor de vendas que esse percentual representa é altíssimo, poderia movimentar a economia e ser uma grande oportunidade de rentabilidade das lojas virtuais que se anteciparam à digitalização — e até os empreendimentos digitais criados para enfrentar a crise no Brasil.

Veja, agora, como combater o carrinho abandonado no seu negócio!

Quais os principais motivos para abandono de carrinho em e-commerces?

Os principais motivos de abandono de carrinho no e-commerce compreendem:

  • valor do frete;
  • burocracia no cadastro do usuário;
  • baixa usabilidade e intuitividade do site;
  • experiências mal-sucedidas dos clientes — principalmente relacionadas ao atendimento;
  • quantidade limitada de opções de pagamento;
  • falta de segurança no processo de compra;
  • prazos muito longos de entrega.

A taxa de abandono de carrinhos no Brasil explica a alta procura por plataformas que otimizem o desempenho dos e-commerces, como o Rock Stage. Também, a busca por estratégias de remarketing, que buscam reengajar esses usuários que abandonaram as compras em algum momento.

Como reduzir o volume de carrinho abandonado em lojas virtuais?

Existem padrões clássicos de comportamento que podem orientar empreendedores em suas estratégias. Confira, agora, quais são eles.

Ofereça uma boa experiência de compra

A experiência dos clientes no contato com a marca deve ser a primeira preocupação de qualquer empreendedor, independentemente do seu ramo de atuação. Isso porque a percepção de valor dos consumidores abrange muito mais que a relação entre custo e benefício dos produtos ou serviços disponibilizados.

Navegabilidade

Sites lentos, sem navegabilidade e que apresentam dificuldades para os usuários encorajam a desistência antes que o objetivo da visita seja alcançado. O consumidor 4.0 anseia por comodidade e espera pela agilidade acima de qualquer outro requisito.

Responsividade

Outra situação recorrente que atrapalha a experiência do cliente é a característica responsiva do site: o acesso deve ser facilitado para todos. Por isso, é preciso considerar o uso de recursos que ajudem pessoas com qualquer tipo de dificuldade.

Além disso, a página deve ser intuitiva e adaptável para dispositivos móveis, principal canal de acesso utilizado atualmente.

Atendimento

O suporte para a compra é mais uma questão relevante. Por isso, a equipe de atendimento precisa estar devidamente preparada, ser atenciosa, empática e buscar a resolução das demandas o mais rápido possível. Somente clientes plenamente satisfeitos concluem uma compra sem consultar a concorrência.

Todas essas questões contribuem de várias maneiras para o crescimento da empresa: inibem o abandono de carrinho, o que potencializa os resultados, melhoram o engajamento dos usuários com a marca, aumentam o volume de conversões e incentivam a fidelização dos clientes.

Otimize o processo checkout

A simplificação do cadastro no momento do checkout é outra questão imprescindível para evitar o carrinho abandonado no e-commerce. Muitos consumidores são impacientes e não ficam felizes em ter que preencher longas fichas de cadastro.

A otimização de sites é um bom recurso para isso e a transparência no processo de checkout é primordial: se for intuito da empresa usar os dados dos consumidores para nutrir o relacionamento, os clientes precisam ser informados disso.

O encaminhamento de páginas também pode dificultar a conclusão da compra. Então, pense sempre quais requisitos podem otimizar o checkout para ajudar os usuários sem familiaridade com o processo.

Demonstre que seu site é seguro

A segurança na Internet é um elemento imprescindível nos dias de hoje. O consumidor não pode se sentir inseguro na hora da compra, pois seus dados pessoais e financeiros são informações sensíveis, que precisam ser resguardadas. Tenha cuidado com os seguintes pontos:

  • não redirecione o usuário: mantenha o cliente em suas páginas;
  • tenha certificados de segurança: veja como funciona a definição do certificado SSL e adicione plugins de segurança para aumentar a confiabilidade das transações;
  • inclua depoimentos de clientes satisfeitos: o feedback positivo incentiva a compra e garante credibilidade da página;
  • proteja o site com o arquivo de configuração htaccess;
  • disponibilize as informações de forma clara e detalhada sobre formas de pagamento, valor do frete e prazo de entrega, por exemplo;
  • oriente como poderá ocorrer o contato em caso de problemas e necessidade de devolução.

Repense o frete

O valor do frete é outro ponto crítico para incentivar o carrinho abandonado. Clientes desistem facilmente da compra quando percebem que o valor cobrado para o recebimento do item supera o custo do próprio produto.

Em algumas situações, o frete nem precisa ser alto: basta acrescentar ao valor e se tornar um total que o consumidor não está disposto a pagar.

No processo de criação do site, adicione um campo que possibilite ao cliente simular o valor que será cobrado pelo frete ainda na página do produto, para que ele não se assuste quando o serviço de entrega for acrescido no checkout. Jamais inclua o frete no valor do produto para passar a ideia de que a entrega será gratuita.

O cliente pode se sentir lesado pela falta de transparência. Além disso, existem muitas ferramentas de comparação de preços utilizadas antes de o cliente acessar sua página. Assim, essa atitude pode comprometer consideravelmente o desempenho do seu portfólio nesses ambientes.

Que tal adicionar um cupom de frete grátis a partir da compra em um determinado valor? Além de motivar o cliente a comprar mais, você poderá criar a sensação de que ele recebeu uma vantagem e isso conta muito para experiências positivas.

Tenha boas parcerias para agilizar as entregas

Os prazos de entrega longos também influenciam o volume de carrinhos abandonados em lojas virtuais. Afinal, ninguém gosta de esperar para receber algo de que precisa ou deseja muito.

Para evitar a demora na logística de distribuição do seu e-commerce, faça parcerias com transportadoras, empresas de entrega, motoristas de aplicativos e outros prestadores de serviço que possam melhorar os prazos e, consequentemente, a percepção de confiabilidade da sua empresa.

Amplie as opções de pagamento

Outra questão relevante que inibe a desistência dos clientes no momento da compra é a quantidade de métodos de pagamento disponíveis. Nem sempre os consumidores têm cartão de crédito e, nesse caso, também é necessário disponibilizar boletos bancários e outras modalidades, como transferência ou depósito.

Os bancos digitais facilitaram muito os procedimentos de pagamento. Aproveite essa vantagem da digitalização do dinheiro! Não se esqueça de oferecer opções de parcelamento e descontos para pagamento à vista, que também influenciam a decisão e melhoram as conversões.

Ofereça vantagens imediatas

O consumidor 4.0. é bem informado, quer experiências personalizadas e agilidade nas compras. Nem sempre esse perfil tem a percepção de que o preço é a questão mais relevante para a sua escolha.

Quando ele recebe descontos progressivos, cashback ou pontos em programas de fidelidade, consequentemente, sua impressão de que a experiência foi positiva e vantajosa é maior. Isso melhora os resultados da empresa, que converte mais vendas e ainda auxilia no processo de fidelização de clientes, que também é privilegiado pelas vantagens obtidas.

O carrinho abandonado é um forte indicativo de que, em algum momento, sua página foi atrativa e seus produtos atendiam adequadamente ao anseio do seu público. Por isso, é importante usar esse indicador para fortalecer sua estratégia e aumentar sua conversão.

Veja como funciona a hospedagem otimizada de sites e use recursos mais eficientes para melhorar a experiência dos clientes no seu e-commerce!

Este artigo foi escrito por Ivan de Souza da Rock Content.

Diga como podemos lhe ajudar!
Avalie o artigo