Gestão

Entenda o que é sistema de automação financeira e 4 benefícios de sua aplicação

Publicado em 10 de maio de 2022 por Redação Zoop
Avalie este post

Um sistema de automação financeira eficiente é crucial para que uma empresa não fique vulnerável a erros manuais e a obstáculos que dificultem o acesso a informações confiáveis. Além disso, essa tecnologia também traz um um impacto extremamente positivo às tomadas de decisões e à organização do planejamento estratégico.

Afinal, em um mundo corporativo que se consolida a passos largos com as novas tendências da transformação digital, pensar em soluções inovadoras que visam à diminuição de erros e a assertividade das decisões tornou-se mais do que um diferencial competitivo, mas uma necessidade de sobrevivência.  

E um setor tão importante das organizações, como o financeiro, não poderia passar batido nesse contexto. É por ele que passa a gestão orçamentária e o controle das transações comerciais e de manutenção operacional.

Diante disso, preparamos esse conteúdo para que você entenda melhor o que é um sistema de automação financeira, além de quatro benefícios em implementá-lo em detrimento das práticas manuais. Confira!

O que é sistema de automação financeira?

Um sistema de automação é uma ferramenta tecnológica complexa que oferece inúmeros suportes operacionais a um ecossistema interno das organizações. Em suma, ele atua como um facilitador que integra as finanças de diversos setores de uma empresa junto à área financeira.

Esse mecanismo permite uma visão abrangente e panorâmica de toda a organização, pois o sistema se alimenta de informações confiáveis de cada um dos setores e as compartilha de forma ágil na plataforma central.

Sob um primeiro olhar, o sistema de automação financeiro configura-se como uma ótima ferramenta para monitoramento e controle de gastos internos, assim como de todo o fluxo comercial. 

Afinal, como os dados fornecidos por ela, o gestor também pode calcular:

  • índices inadimplência ou, em outras palavras, um controle de recebimentos dos clientes que pagam e deixam de pagar;
  • sazonalidade de vendas, isso é: saber quais períodos geralmente trazem maior faturamento e quais sãos de baixa;
  • previsão de faturamento e orçamentária para futuros projetos ou investimentos; 
  • o retorno sobre investimento (ROI, assim como a relação de performance em comparação com o total de recursos aplicados.

 

Como vimos, um sistema de automação financeira é um grande armazenador de dados relevantes. Dessa forma, ele garante os insumos necessários para outras de suas funções, como, para ficar nos mais importantes:

  • gestão de pagamentos recorrentes;
  • emissão de nota fiscal;
  • geração de um boleto bancário, e muito mais.

 

Portanto, essa ferramenta torna-se fundamental para que uma empresa esteja apta para enfrentar os desafios da transformação digital, fenômeno que trouxe mais dinâmica, agilidade e menos oportunidades de decisões erradas.

4 benefícios do sistema de automação financeira

1. Centralização dos dados e agilidade operacional

O primeiro dos nossos cinco benefícios do sistema de automação financeira é sua capacidade de aglutinação de dados em uma única plataforma.

Dessa forma, com apenas alguns clicks, o time financeiro já tem acesso a dados e relatórios de diversos setores organizacionais para poder gerir adequadamente todas as entradas e saídas, além de garantir o faturamento de notas fiscais de forma mais rápida e eficiente.

Sendo assim, a tendência é que se torne cada vez mais incomum a necessidade de algum representante financeiro ter que se direcionar pessoalmente a cada área para validar informações e coletar dados.

2. Mais segurança

E quanto á segurança? Em um processo automatizado, por exemplo, quando uma venda é realizada, automaticamente o valor da transação é armazenado na plataforma pelo próprio sistema. 

Além disso, a possibilidade de centralização dos dados permite que todas as áreas da organização tenham acesso às mesmíssimas informações de forma segura e simplificada.

Essas duas características impedem a inconsistência de dados entre setores diferentes, assim como tornam os processos mais ágeis e menos vulneráveis a erros manuais humanos.

3. Gestão de pagamentos recorrentes

Caso sua empresa ofereça planos de assinatura ou produtos/serviços de forma contínua para seus clientes, um sistema de automação financeira pode ajudar na gestão desses pagamentos recorrentes e no controle de inadimplência.

Esse mecanismo garante um método de cobrança totalmente automatizado, como débito automático e geração automática de boleto, no qual dispensa a empresa de qualquer trabalho burocrático ou investimento em equipes de cobrança. 

4. Economia de custos

Como já vimos com os exemplos anteriores, um sistema de automação financeira enxuga e aumenta a eficiência de toda a máquina operacional. Funções que antes necessitavam de trabalho manual e processos específicos, passam a ser geridas por uma plataforma.

Além disso, com o armazenamento mais seguro de registros e a integração entre setores, o negócio também fica menos suscetível a erros de planejamento e a possíveis prejuízos.

Incrível, não é verdade? Agora que você entendeu como funciona a automação financeira, qual tal usufruir de todos esses benefícios com uma plataforma para gerir suas finanças com sucesso?

 A Zoop é uma fintech líder em tecnologia para serviços financeiros para que sua companhia tenha um diferencial competitivo na disponibilidade de recursos de pagamentos e gestão financeira.

Por exemplo, a ferramenta Zoop Payments oferece recursos de gestão como o Dash e a “Minha Conta”, que possibilitam o acompanhamento da sua performance, histórico de vendas e gerenciamento completo de suas movimentações financeiras. 

>> Acompanhe a evolução do mercado de pagamentos com a Zoop:

Se você quer aprender mais sobre essas soluções da Zoop, entre em contato agora mesmo com um dos nossos representantes.

Obrigado por ler até o fim e até a próxima!

Avalie este post
Diga como podemos lhe ajudar!
Avalie o artigo