Empreendedorismo

Criar um marketplace: como montar o seu shopping virtual

Publicado em 17 de maio de 2021 por Redação Zoop

Talvez você não conheça esse termo, mas provavelmente já utilizou algum marketplace. Plataformas como Uber, Aribnb, Ifood, Mercado Livre e Magalu são exemplos desse modelo de negócios. Muitos(as) empreendedores(as) já perceberam a oportunidade dos marketplaces e começaram a anunciar seus produtos neles. Porém, o que muita gente não sabe é que, hoje em dia, é possível criar um marketplace próprio.

Dica: baixe já o guia completo de marketplace do Ideia no Ar!

 

O que é marketplace?

Um marketplace funciona como um shopping virtual, que conecta lojistas e clientes online. Vale dizer que existem marketplaces tanto de produtos, quanto de serviços. 

Mas, então, qual é a diferença entre um marketplace e uma loja virtual ou e-commerce? Bom, enquanto na primeira opção há produtos de lojistas diferentes, na segunda são oferecidos produtos de apenas uma loja.

Então, o que dá mais lucro: ser dono(a) de uma loja ou de um shopping? Claro que a segunda solução é muito mais vantajosa. Se você criar um marketplace, pode receber uma comissão por cada produto vendido.

Por isso, criar um marketplace de nicho é uma ideia de negócio lucrativa na internet. Você já pensou, por exemplo, em lançar uma plataforma online que reúna os lojistas da sua região?

 

Vantagens de criar um marketplace

Criar um marketplace é uma das oportunidades de negócio mais escaláveis da internet. Um empreendimento escalável é aquele em que você, empreendedor(a), consegue aumentar o faturamento sem precisar aumentar os custos na mesma proporção.

Por exemplo, para expandir uma loja física tradicional, é necessário investir em mais funcionários, estrutura, aluguel, produtos, etc. Por outro lado, para expandir um marketplace, você provavelmente só precisará investir mais em marketing. Afinal, trata-se de um negócio online, no qual você não possui estoque, pois os produtos são disponibilizados pelos vendedores cadastrados.

Além disso, o mercado de marketplace foi um dos que mais cresceu na pandemia. Esse modelo foi responsável por 78% do faturamento das compras online no Brasil em 2020, segundo o relatório Webshoppers. E, quem pensa que esta é uma onda passageira está muito enganado(a), porque a digitalização veio para ficar. 

 

Como criar um marketplace?

Agora que você já conhece as vantagens de um shopping virtual, vamos mostrar o passo a passo para você criar um marketplace!

 

1. Escolha um nicho de mercado

Ao criar um marketplace, muitas pessoas pensam em vender de tudo um pouco. Porém, a melhor estratégia é investir em um nicho de mercado. Dessa forma, você consegue criar campanhas direcionadas de marketing e atender um público específico de forma personalizada. Assim, você não precisa concorrer com grandes marketplaces, como Mercado Livre ou Magalu.

 

2. Defina as suas personas

Não adianta lançar um negócio se você não conhece o seu público. No caso de um marketplace, você deve entender dois perfis de personas diferentes: vendedores e clientes. Afinal, é seu trabalho atrair lojistas para oferecer produtos na plataforma. Mas, também é sua responsabilidade investir em marketing para trazer clientes para o negócio.

 

3. Escolha um modelo de receita

Outro aspecto muito importante ao criar um marketplace é o modelo de receita. Ou seja, é preciso definir de que forma você, enquanto dono(a) do marketplace, irá ganhar dinheiro. Por exemplo, é possível cobrar uma comissão por cada transação. Outras alternativas são: cobrar mensalidade dos vendedores ou investir em um modelo de publicidade. 

 

4. Encontre uma plataforma pronta de marketplace

Em seguida, para criar um marketplace, você precisa de uma plataforma, certo? Muitas pessoas pensam que para fazer isso é preciso contratar um(a) programador(a). Mas, hoje existem soluções muito mais rápidas, simples e acessíveis. Estamos falando de plataformas prontas de marketplace, como o Ideia no Ar

Programadores podem levar meses e cobrar muito caro para fazer um projeto de marketplace. Ao contrário, as plataformas prontas são ágeis e já possuem todas as funcionalidades necessárias. 

 

5. Atraia vendedores e clientes

Não basta criar um marketplace e esperar que ele faça sucesso sozinho. Você precisa atrair vendedores para anunciarem seus produtos na plataforma. E, precisa também atrair clientes que comprem de tais vendedores. Para isso, é preciso definir uma boa estratégia de marketing, que seja atrativa para esses dois públicos. 

 

6. Faça a gestão da operação

Em qualquer negócio, o acompanhamento deve ser constante. Em um shopping virtual, é preciso se atentar sempre à qualidade dos vendedores e dos produtos oferecidos. Também é importante ouvir a opinião dos clientes e fazer os ajustes necessários. E, claro, fique de olho nas métricas e KPIs do seu negócio, para saber se o esforço está trazendo resultados.

 

7. Expanda o negócio

Por fim, se o seu marketplace já está gerando um bom retorno, é hora de expandir. É importante lembrar que esse modelo de negócio dá retorno no médio ou longo prazo. Normalmente, leva pelo menos um ano para o empreendimento começar a gerar lucro. 

E, para expandir, você pode, por exemplo, investir em mídia paga, oferecer diferentes soluções de pagamentos no marketplace ou atrair novos investidores.

 

Como criar o seu próprio marketplace e ter o seu shopping virtual?

O marketplace é um modelo de negócio que revolucionou o e-commerce e cresce a cada dia. O que muitas pessoas não sabem é que hoje em dia é possível criar um marketplace e ter resultados escaláveis.

Você pensa em criar o seu próprio marketplace? Agende já uma consultoria gratuita com a equipe do Ideia no Ar. 

Este artigo foi escrito pelo parceiro Ideia no Ar.

Nós apoiamos empreendedores e empresas a criar a sua própria plataforma de marketplace de forma simples e rápida, sem depender de programadores. Já lançamos mais de 400 negócios desde 2013. Ajudamos grandes empresas como o SEBRAE e também entidades públicas como a Prefeitura de Volta Redonda/RJ, além de startups a colocarem um marketplace de nicho para rodar em pouco tempo.

Diga como podemos lhe ajudar!
Avalie o artigo